Main Slider

Empresa que ensina 'dar grau' em moto diz que seus valores contribuem para um trânsito mais seguro

Em nota, empresa Máquina Du Grau repudiou reportagem do Cotia e Cia e afirmou que assegura a proteção da integridade humana; aulas são realizadas no estacionamento do Poupa Shopping Cotia, mesmo prédio onde fica o Detran.

Instrutor disse que tem autorização e que prática é para diversão.
Foto: Reprodução / Facebook


A empresa Máquina Du Grau, responsável por ensinar motociclistas a empinarem suas motos no estacionamento do Poupa Shopping de Cotia, disse em nota que seus valores contribuem para um trânsito mais seguro. A resposta foi enviada ao Cotia e Cia nesta terça-feira (05/01), um dia após a publicação da reportagem sobre as aulas realizadas no mesmo prédio onde está localizado o Departamento de Trânsito (Detran) da cidade (relembre aqui). 

O responsável pela empresa, Idineu Cordeiro de Oliveira, que é instrutor de uma autoescola em Cotia, explicou que a Polícia Militar e outras autoridades locais de trânsito foram consultadas para começar a prática da modalidade, e que não houve nenhuma proibição dos órgãos.

"Tudo que eu faço é legal, o que os alunos vão fazer ou deixar de fazer aí eu não me responsabilizo. A gente sempre explica que isso aqui é para diversão. Mas se fizer na rua, a diversão acaba virando dor de cabeça", disse.

A nota da empresa reforça que conscientiza os alunos sobre a Política Nacional de Trânsito que tem como seus princípios “assegurar a proteção da integridade humana e o desenvolvimento socioeconômico do país”.

A empresa também criticou a reportagem do Cotia e Cia, dizendo que a manchete é ‘alarmista’ ao tentar vincular as aulas com as atividades do Detran. “O mais grave é que deixa no ar que seria uma atividade ilegal, citando erroneamente o artigo 244 do CTB, que a bem da verdade trata de circulação em via pública, o que não é o caso”, mencionou.

De acordo com o artigo 244, inciso III do Código de Trânsito Brasileiro, o condutor que for flagrado realizando malabarismo ou equilíbrio em apenas uma roda de moto tem seu direito de pilotar suspenso, multa de R$ 293,47, além de ter o recolhimento imediato de sua CNH.

Mas Idineu já havia esclarecido – e o esclarecimento consta na reportagem – que avisa os alunos para não praticarem as manobras em vias públicas. “O que não pode é o pessoal tentar fazer na rua, isso eu também não concordo, sou contra, porque além de colocar em risco a vida de outras pessoas, coloca a dele mesmo e até de pedestres […] o que foi explicado pra mim é que não pode ser em via pública, não pode ser área residencial, a moto tem que ser documentada, não pode ser moto de leilão."

Confira abaixo a nota na íntegra

NOTA DE ESCLARECIMENTO

No dia 04 de janeiro de 2021, em reportagem assinada por RUDNEY OLIVEIRA, traz uma manchete com viés exclusivamente alarmista que tenta vincular a atividade da empresa Maquina Du Grau, com as atividades do Detran-SP Cotia, e o mais grave é que deixa no ar que seria uma atividade ilegal, citando erroneamente o artigo 244 do CTB, que a bem da verdade trata de circulação em via pública, o que não é o caso.

De acordo com a própria matéria, a Empresa Equipe Maquina Du Grau, realiza suas atividades numa área reservada do estacionamento do Poupa Shopping (área privada) que foi locada para que um instrutor pudesse dar aulas individuais de manobras para motociclistas.

Bom ressaltar que o responsável pela Empresa Maquina Du Grau, esclareceu para a reportagem que é instrutor de trânsito e realiza essas aulas de forma particular. Ele explicou ainda que consultou a Polícia Militar e as autoridades locais de trânsito para começar a prática da modalidade, sendo que nunca houve nenhuma proibição destes órgãos!

"Tudo que eu faço é legal, o que os alunos vão fazer ou deixar de fazer aí eu não me responsabilizo. A gente sempre explica que isso aqui é para diversão. Mas se fizer na rua, a diversão acaba virando dor de cabeça”.

Importante frisar que trata-se de uma modalidade esportiva que é conhecida como Wheeling, que foi criada nos Estados Unidos na década de 70 e passou a ter notoriedade no Brasil a partir dos anos 90. Ao longo do tempo, a modalidade vem ganhando cada vez mais espaço no esporte radical brasileiro.

Atualmente, o Brasil é referência quando se fala em wheeling, e exporta os melhores pilotos deste esporte para o resto do mundo. E ainda conta grandes equipes de wheeling, como a Alto Giro, Adrenalina, Arte & Equilíbrio, Forca e Ação.

Em que pese respeitarmos o direito intocável da liberdade de impressa, a reportagem contém cunho enganoso, e possui o condão de disseminar confusão informativa acerca da atividade exercida pela empresa Equipe Maquina Du Grau, com a atividade do Detran-SP localizado no Poupa Tempo Cotia, com uma manchete confusa que apenas induz o leitor à desinformação, com conteúdo evidentemente distorcido, e sem fundamento.

O ordenamento jurídico brasileiro protege o direito à informação como sendo um direito fundamental individual, mas esse direito encontra balizas perante o Estado Democrático de Direito e perante os cidadãos.

Destacamos que os valores da empresa Equipe Maquina Du Grau, é contribuir sempre para tornar o trânsito mais seguro, pois entende que essa é uma responsabilidade de todos, pedestres, motoristas e toda à sociedade.

Por esses motivos, é que sempre conscientizamos nossos alunos sobre a Política Nacional de Transito, disciplinada pala resolução DENATRAN Nº 514 DE 2014, que tem como seus princípios assegurar a proteção da integridade humana e o desenvolvimento socioeconômico do País, assegurando ao cidadão o pleno exercício do direito de locomoção, tendo como prioridade ações à defesa da vida, incluindo a preservação da saúde e do meio ambiente e incentivar o estudo e a pesquisa orientada para a segurança, fluidez, conforto e educação para o trânsito.

Sempre primando pela segurança do trânsito e pela boa prática do esporte, nos colocamos à disposição de todos para quaisquer esclarecimentos.