Main Slider

Governo de SP prorroga fase emergencial até 11 de abril

Fase emergencial que está em vigor desde o dia 11 de março suspende atividades antes consideradas essenciais.


O vice-governador de São Rodrigo Garcia anunciou em coletiva de imprensa que está sendo realizada na tarde desta sexta-feira (26)  a prorrogação da fase emergencial do Plano SP até dia 11 de abril, inicialmente prevista para ser encerrado no dia 31 de março.

A fase foi prorrogada após a explosão de casos e do colapso no sistema de saúde do estado. Nesta sexta (25), o estado de São Paulo registrou 1.193 novas mortes provocadas pela Covid-19, novo recorde em 24 horas desde o início da pandemia. Com a marca, o estado passa de 70 mil vidas perdidas para o coronavírus.

Diversas cidades do estado, entre elas, Cotia, anteciparam feriados para tentar conter o avanço da doença (Veja aqui).

Principais alterações do plano vermelho para o plano emergencial:

  • Atividades religiosas como missas e cultos não podem ocorrer presencialmente
  • Campeonatos esportivos, como jogos de futebol, ficam suspensos
  • Escolas da rede estadual ficarão abertas apenas para oferta de merenda. Rede privada poderá atender alunos de pais que precisam trabalhar fora, com limite de 35% da capacidade
  • Lojas de material de construção não podem abrir
  • Teletrabalho obrigatório para atividades administrativas não essenciais
  • Estabelecimentos não podem operar com serviço de retirada presencial, apenas delivery