Main Slider

Romu de Cotia encontra adolescentes de Barueri que estavam desaparecidas há duas semanas


Conselho Tutelar de Caucaia do Alto, por sua vez, encaminhou as irmãs, uma de 14 e outra de 15 anos, para a cidade de origem, onde ficarão sob a tutela de uma tia 

Romu encaminhou as meninas ao Conselho Tutelar de Caucaia do Alto. Foto: Reprodução / Redes sociais


Agentes da Ronda Ostensiva Municipal (Romu) de Cotia localizaram nesta terça-feira (19) duas adolescentes que são irmãs, uma de 14 e outra de 15 anos, no distrito de Caucaia do Alto. Elas estavam desaparecidas desde o dia 5 de janeiro, segundo a polícia. 

As duas, que chegaram a pedir ajuda dos guardas, foram levadas para o Conselho Tutelar de Caucaia que, por sua vez, encaminhou as meninas para o Conselho Tutelar de Barueri, onde residem. Elas estão sob tutela de uma tia. 

À polícia, uma delas disse que ambas foram expulsas da casa da mãe, mas que tal fato teria sido positivo, pois o padrasto, além de abusar sexualmente delas, ainda as obrigava a fazer sexo com estranhos em troca de dinheiro para comprar drogas. 

Presente na Delegacia de Barueri, onde foram relatados os fatos, o pai das garotas desmentiu a versão, e disse que a mãe jamais permitiria a prática de prostituição. 

A polícia disse que vai investigar o caso.