Main Slider

Suspeito de matar o pai e esfaquear a mãe é preso em Cotia


Crime aconteceu no Jd Belizário; pai morreu no local e a mãe, que chegou a fingir desmaio após levar uma martelada na cabeça, segue internada no Hospital de Cotia


A Polícia Militar prendeu no início da madrugada desta quarta-feira (5) um homem de 31 anos acusado de matar o próprio pai, de 59 anos, e esfaquear a mãe, de 53, no Jardim Belizário, em Cotia. O crime aconteceu na noite anterior.

A PM fazia um patrulhamento intensivo pelo bairro diante da gravidade da ocorrência. Os policiais então viram um carro se aproximando e identificaram que dentro do veículo tinha um homem com as mesmas características do suspeito.

Ao abordar o veículo, o suspeito disse que estava procurando junto com os amigos um bar aberto para consumir bebida alcoólica. Ele não confessou o crime, mas em meio às informações controversas, teria afirmado que estava no local da ocorrência.

O homem foi preso em flagrante e levado até a Delegacia de Cotia, onde foi autuado por latrocínio, que é o roubo seguido de morte, e homicídio tentado contra a mãe.

O CRIME

Uma das testemunhas disse à polícia que por volta das 0h30 de terça-feira (4), estava em sua casa quando ouviu pedidos de socorro da mãe do suspeito, que é sua vizinha. Ao ver o que estava acontecendo, viu o rapaz saindo da residência das vítimas dizendo “perreco do caraio” e trancou a porta.

Relatou também que viu a mulher quebrado o vidro da porta da casa e pedindo socorro. A testemunha disse que foi até a casa e arrombou a porta para socorrê-la. Quando viu a cena, chamou o Samu.

Já hospitalizada, a mãe do suspeito informou à polícia que estava dormindo e acordou com um barulho da voz de seu marido clamando para o seu filho parar de esfaqueá-lo. Seu marido foi até o quarto e, ao levantar-se para ver o que estava acontecendo, seu filho foi para cima dela, a esfaqueando e dando golpes em sua nuca, no pescoço e na cabeça.

A vítima contou ainda que recebeu uma martelada na cabeça e caiu, fingindo que havia desmaiado. Neste momento, ela viu seu filho furtando R$ 200 de sua bolsa, um aparelho celular e R$ 400 de seu marido, que já estava morto em cima da cama.

O suspeito já havia roubado seus pais outras vezes e também já esteve internado para tratar da dependência química.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo informou que a PM, assim que chegou ao local dos fatos, encontrou o corpo da vítima, de 59 anos, já sem vida. O caso foi encaminhado ao 2º DP de Cotia, no Parque São George.

Reportagem: Neto Rossi