Main Slider

Égua morta que chegou a ficar horas jogada em via pública de Cotia foi enterrada, diz dona do animal

Por ser final de semana, moradores do Morro Grande não conseguiram fazer contato com a zoonoses; dona do animal disse que o marido a enterrou após voltar do trabalho na noite de hoje (17)

Foto enviada ao Cotia e Cia por uma moradora do Morro Grande


(ESSA REPORTAGEM FOI ATUALIZADA ÀS 19H56 DO DIA 17/04/2021 COM INFORMAÇÕES TRAZIDAS PELA DONA DA ÉGUA)

========================================================================

Uma égua morreu na tarde deste sábado (17) na rua Brasil, no bairro Morro Grande, em Cotia. Por ser final de semana, moradores disseram que não conseguiram fazer contato com a zoonoses e nem com outro departamento público.

A proprietária do animal, que não quis ser identificada, disse que seu marido o enterrou nesta noite e que foram orientados a fazer isso pela própria zoonoses.

“O que foi orientado para o meu marido é que ele tinha que cavar um buraco e enterrar a égua, porque a zoonoses não fazia isso, é por conta do proprietário do animal. E foi o que ele fez. Fez um buraco e a enterrou”, disse.

Ainda de acordo com ela, o animal teve um AVC. Até o momento em que seu marido saiu para trabalhar, a égua ainda estava viva.

“A gente já estava esperando que isso ia acontecer. Aí, a hora que ela caiu na rua de manhã, ele sozinho não aguenta e não tinha ninguém pra ajudar ele. Ele foi então trabalhar. Ela estava viva na hora que meu marido saiu para trabalhar”
, explicou.

Ela disse que o animal estava há dois anos sob sua tutela, mas que já tinha mais de 30 de idade.

Procurada, a Prefeitura de Cotia ainda não se manifestou sobre o assunto.