Main Slider

TRE suspende cassação, e Ney Santos é diplomado prefeito de Embu das Artes

Justiça Eleitoral havia cassado a chapa de Ney Santos por abuso de poder econômico 

Ney santos foi diplomado na sexta-feira (18). Foto: Arquivo pessoal 



O TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo) suspendeu a cassação da chapa que reelegeu o prefeito Ney Santos, de Embu das Artes, na Grande São Paulo. Com a decisão, a diplomação do prefeito e do vice, Hugo Prado (MDB), foi feita na sexta-feira (18) pelo site do TRE sem ato ou cerimônia, devido à pandemia de coronavírus. Eles assumem o mandato em 1º de janeiro. 

"Em que pese esse cômputo dos votos como anulados, o fato é que os candidatos sub judice foram eleitos e que a decisão de cassação deve ter seus efeitos suspensos por determinação expressa no Código Eleitoral", escreveu o juiz Manuel Pacheco Dias Marcelino do TRE em sua decisão. 

Em nota, Ney Santos afirmou que recebeu a notícia "com a mesma tranquilidade que foi informado sobre a tentativa frustrada do juiz local em cassar o registro". Ele disse que "sempre acreditou na imparcialidade da Justiça e tinha certeza de que a decisão seria reformada devido ao equívoco do nobre juiz de Embu das Artes e que foi reforçada na manifestação do magistrado do TRE".