Main Slider

Alunos da rede estadual de SP terão quatro período de férias por ano

A partir de 2020, professores e alunos terão recesso em abril, julho, outubro e entre dezembro e janeiro.

Roque Celestino em Caucaia do Alto.
O governador de São Paulo João Doria (PSDB) anunciou nesta sexta-feira (26) uma mudança no calendário escolar da rede estadual de ensino a partir de 2020. A partir do ano que vem, alunos e professores das escolas estaduais terão quatro períodos de férias:
  • Uma semana em abril
  • Duas semanas em julho
  • Uma semana em outubro
  • 30 dias entre dezembro e janeiro.

A principal mudança são a redução do período de férias de verão de 45 dias para 30 dias, as de julho de 30 para 15 dias, e a oficialização de duas semanas de recesso, em abril e outubro - popularmente chamadas de "semana do saco cheio".

Atualmente, o calendário da rede estadual prevê dois períodos de férias de meados de dezembro a 31 de janeiro e de 28 de junho a 30 de julho.

De acordo com o governo, a mudança não representa aumento nem diminuição do período de férias nem de recesso, mas uma redistribuição. Estão garantido os 200 dias letivos previstos por lei.

O próximo ano letivo começa no dia 3 de fevereiro, com encerramento previsto para 22 de dezembro.

*G1.

Postar um comentário

0 Comentários