Header Ads

Exclusivo: Raio-X da estrutura da Etec de Cotia

Sem laudo AVCB, piscina inutilizável, extintores de incêndio vencidos, goteiras e ar condicionado guardado por 5 anos sem instalação, são alguns dos problemas da Etec de Cotia.

Inaugurada em 2008, com a presença do então governador José Serra foi um grande avanço para o ensino técnico na cidade de Cotia, trazendo educação de qualidade para os munícipes. Entretanto menos de 10 anos depois o que se vê na Etec de Cotia é um prédio com alto risco a seus alunos, além do gasto do dinheiro público sendo usado como água.

Piscina:


A grande e linda piscina na Etec de Cotia só foi usada para a fotos de inauguração (foto acima), depois disso, em 2014 e 2015 nós do Cotia e Cia já havíamos publicado sobre a água da chuva que fica empossada na piscina. Nesse mês de setembro de 2016, nós recebemos a informação que a piscina estava sendo cheia com água potável por caminhões pipas, veja o vídeo a seguir.


 

Goteiras quando chove:

"Chove dentro e goteira fora" a frase popular pode ser utilizada nesse caso, quando chove os alunos têm que desviarem dos baldes e das goteiras que existe em vários pontos do complexo. O problema é antigo, pelo menos desde de 2013 são registrado goteiras no prédio. Vale ressaltar que a manutenção do prédio é de responsabilidade da prefeitura de Cotia.

Ar condicionado sem instalação:

No verão, as salas da Etec se tornam verdadeiros fornos. A escola no entanto tem cerca de 5 ares-condicionados sem instalação a pelo menos 2 anos, segundo apuração do site Cotia e Cia apenas um foi instalados, cada um vale aproximadamente 7 mil reais.

Sem laudo AVCB:

A ETEC de Cotia não tem o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (A. V. C. B.), que é um documento emitido pelo Corpo de Bombeiros da Policia Militar do Estado de São Paulo (CBPMESP) certificando que, durante a vistoria, a edificação possuí as condições de segurança contra incêndio. No site dos bombeiros não é localizado o laudo no endereço da Etec. (pode ser consultado clicando aqui).

Extintores e a falta deles:

Os extintores têm na Etec entretanto encontramos um deles vencido, além disso um local onde deveria estar um extintor, simplesmente não tem. Veja:

Portas e Janelas quebradas:

Vidros substituídos por plástico, isso é que pode se ver nas portas e janelas da escola. Alunos relatam que existem portas e janelas quebradas a pelo menos 2 anos. Veja as fotos abaixo.

Banheiros em manutenção:

Uma coisa a ser elogiada na escola técnica de Cotia é a quantidade de banheiros, apesar disso o que os alunos relatam é a demora em se consertar banheiros quebrados, os dois da foto abaixo está em manutenção à 2 anos.


Fios elétricos amostra, "Atenção! Perigo de morte":


Perigo de morte, isso é o que os alunos passam dia e noite na Etec de Cotia, pelo menos é o que informa uma placa fixada logo acima a vários fios elétricos, além disso ainda pode-se observar uma caixa que seria usado para organizar a instalação totalmente aberta e de fácil acesso dos alunos.



Mesmo com todos os problemas estruturais a Etec oferece diversos cursos como informática, administração e ensino médio e é referência no estado.

A prefeitura de Cotia não retornou nosso contato, já o Centro Paula Souza disse em nota e poucas palavras que a manutenção do prédio que abriga a Etec de Cotia é de responsabilidade da prefeitura e informou que a administração municipal já realizou o reparo da piscina e contratou uma empresa para realizar adequações solicitadas pelo Corpo de Bombeiros.

Alunos disseram a nossa reportagem que é a terceira vez que se enche a piscina e depois de poucos dias a água toda vaza, vale ressaltar que são necessário mais de 15 caminhões pipas para encher a piscina.
Tecnologia do Blogger.