Main Slider

Faixa exclusiva de ônibus na Raposo Tavares será apresentada em audiência pública

Prefeitura de São Paulo apresentará ao todo 38 quilômetros de novas faixas.


No mês de novembro, a Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes (SMT), da São Paulo Transporte (SPTrans) e da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), dará início a 4 audiências públicas para apresentar a proposta de implantação de 38 quilômetros de novas faixas exclusivas de ônibus em todas as regiões da cidade.

Na região, uma faixa exclusiva entre os KMs 18 e 10 da rodovia Raposo Tavares será apresentada.

Esta é a primeira vez que a população de São Paulo é ouvida sobre a implantação de faixas de ônibus de forma ampla e participativa.

As audiências serão realizadas em 4 subprefeituras: Pirituba (zona norte), Vila Prudente (zona leste), Campo Limpo (zona sul) e Butantã (zona oeste). Sempre das 19h30 às 21h30.

Para indicar as vias que irão receber as faixas, foram feitos estudos das equipes técnicas da SPTrans levando em conta, além da demanda, critérios como: ser utilizada por ao menos 40 ônibus por hora; ter média de velocidade dos ônibus inferior a 12 km/h; ter ao menos 6 metros de largura em cada sentido; preferencialmente ser uma via que complemente ou dê continuidade a faixas e corredores já existentes.

Confira o calendário das audiências:

Leste e centro
Quando: 13 de novembro
Onde: Subprefeitura de Vila Prudente
Avenida do Oratório, nº 172 - Jardim Independência

Sul
Quando: 18 de novembro
Onde: Subprefeitura do Campo Limpo
Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, nº 59 - Campo Limpo

Oeste
Quando: 21 de novembro
Onde: Subprefeitura do Butantã
Rua Dr. Ulpiano da Costa Manso, nº 201 - Jardim Peri Peri

Norte
Quando: 22 de novembro
Onde: Subprefeitura de Pirituba
Rua Luís Carneiro, nº 193 - Vila Barreto

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Combinaram com o trânsito que começa depois desse Km? Ou vai querer resolver o problema da Capital causando transtorno para as outras cidades do entorno? Isso sem mencionar que a estrada é ESTADUAL!!!!

    ResponderExcluir