Header Ads

Projeto de Metrô até Cotia ficará pronto no 2º semestre deste ano segundo o Metrô!

Monotrilho seguirá o eixo da rodovia Raposo Tavares, hoje a principal ligação viária entre a Capital e Cotia.

Está prevista para o segundo semestre deste ano a conclusão da licitação para contratar a empresa que irá elaborar o projeto funcional da futura linha 22 do Metrô, que vai ligar São Paulo a Cotia. O prazo foi divulgado pelo Departamento de Imprensa do Metrô.

O projeto funcional é a primeira etapa para a obra sair do papel. Ele indica, dentre outras informações, o provável traçado do ramal, que deverá operar no sistema monotrilho, e a viabilidade técnica de sua implantação, além dos custos estimados para a obra. Depois desta fase será feito o projeto básico e o projeto executivo.

O edital de licitação foi lançado pelo governo do Estado de São Paulo em agosto do ano passado.

Ainda não há prazo estimado para o início das obras. Mas o edital já traz as primeiras diretrizes da futura linha. Ela seguirá o eixo da rodovia Raposo Tavares, hoje a principal ligação viária entre a Capital e Cotia. No documento, o Metrô justifica que a Linha 22 poderá servir, inclusive, de alternativa para redução dos congestionamentos na estrada, que registra 515 mil viagens diárias, das quais 52% por transporte coletivo. Já em termos de público estimado, o ramal atenderia uma população de 530 mil pessoas.

Estão inicialmente previstas 16 estações ao longo da Rodovia Raposo Tavares: Parque Jardim Previdência, Jardim Bonfiglioli, L‟Abitare, Educandário Ester, Monte Belo, Jardim Boa Vista, COHAB Raposo Tavares, Santa Maria, Estrada da Aldeia, Granja Viana, Mesopotâmia, Estrada do Embu, Parque Alexandria, Sabiá, Rotary e Cotia (Centro).

A Linha 22 terá ainda conexões com a Linha 4 Amarela do Metrô, que atende a região de Pinheiros e com a linha 9 Esmeralda da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) que vai de Osasco ao Grajaú.

Informações: webdiario
Tecnologia do Blogger.