Header Ads

Motoristas desaprovam Zona Azul em Cotia

A prefeitura de Cotia anunciou no dia 8 de janeiro deste ano que iria implantar a Zona Azul na cidade, no dia 17 de março a "solução" foi implantada nas ruas da cidade de Cotia, vale lembrar que a prefeitura ainda deve implantar nos distritos de Caucaia do Alto e Granja Viana.

Segundo a prefeitura a Zona Azul visa proporcionar aos motoristas a rotatividade de vagas de estacionamento para que todos tenham o direito de encontrar locais para estacionar seu veículo, porém a população desaprovou a medida do governo municipal.

Ana Paula Granjeiro, radialista, explica ao Cotia e Cia que os motoristas não tem opção além de pagar a zona azul " moro em uma rua que é só condomínio dos dois lados e a rua foi enquadrada na Zona Azul, ou seja não podemos mais nem receber visitas em casa, sem que eles paguem, além disso não tem opção pois não há estacionamento próximo, em minha opinião deveria ter sido feio um estudo mais a fundo até por que a rua é sem saída e totalmente residencial " completa Ana

Um caso que chamou a atenção é que na Avenida Professor Manoel José Pedroso há uma sinalização no solo que é um local para estacionar moto, porém no mesmo local havia uma placa identificando o local como "Zona Azul, proibido motocicletas", com isso os motociclistas ficaram sem saber se podiam ou não estacionar no local, após divulgação nas redes sociais a Settrans retirou a placa de proibido motos. Veja a foto de Alex da Força que comprova o erro.

Iolanda Felix relatou ao Cotia e Cia mais um caso de problemas " Hoje (8 de abril) pela manhã deixei o carro em uma rua para ir fazer exames e pelo horário ainda não tinha nada aberto para comprar o "Zona Azul"  porque eles abrem as 9h para vender. Fui notificada as 9h15 no endereço,  fui procurar um posto para pagar, paguei as 9h29 em menos 6 minutos tinha uma outra notificação 9h35 no mesmo endereço. Procurei o agente para notificar ele disse que eu só tinha 10 minutos entre uma notificação e outra para pagar" disse a motorista, a mesma ainda diz que não é pelo preço " não é pelos R$1.90 é pela falta de ética. De não ter regras e acharem que somos ignorantes, pois como pagaremos em 10 minutos se não temos totens por perto. Apenas posto de revenda. Na verdade não é R $1.90 é o dobro ou mais se não formos capazes de chegar a tempo.

George Neves, motorista, também reclama da Zona Azul "Fica muito complicado para o motorista, principalmente quando temos que estacionar apenas alguns minutos, além disso a falta de segurança, ainda tem a questão de mesmo com a zona azul é difícil achar um local para estacionar" completa o motorista.

A motorista Rosana de Oliveira também explica o por que a Zona Azul não trouxe benefícios para a população "Não é o preço de 1,90/hora o problema é os locais de vendas dos tickts que muitas vezes fica longe do local que é estacionamento, não vemos guardas patrulhando os locais de estacionamento, ou seja o dinheiro que é pago não é aplicado na segurança dos carros, além disso ainda temos os flanelinhas que continuam extorquindo os motoristas. Finaliza.

Na cidade já existe um grupo distribuindo adesivos de " Sou contra a zona azul" como mostra a foto abaixo.

Segundo o organizado da campanha Welington Formiga, já foram distribuídos mais de mil adesivos entre ontem (11)  e hoje (12).
Tecnologia do Blogger.