Header Ads

Sequestro acaba em morte em Ibiúna!

Quatro homens invadem chácara, rendem, levam carro e matam comerciante em plantação.

Antes de matar grupo amarrou e espancou o
comerciante. Foto/Reprodução rede Record
Quatro homens foram detidos ontem pela Guarda Civil Municipal de Ibiúna, acusados de latrocínio, que é roubo seguido de morte. O grupo tirou a vida do comerciante Carlos Alberto de Godoy, 66 anos, que tinha desaparecido no sábado e foi encontrado morto, com nove tiros, no domingo.

Segundo a Polícia Civil, dois dos acusados são filhos do caseiro da chácara na qual o comerciante estava. O crime ocorreu na Estrada do Colégio, por volta das 20h30, quando o grupo armado e encapuzado invadiu a casa, pegando o revólver do comerciante e cerca de R$ 600, além de vários objetos que estavam na casa.

Carlos foi rendido, agredido, executado e abandonado no meio de uma plantação de eucaliptos.

Sem saber que os supostos criminosos eram seus filhos, o caseiro da propriedade registrou um boletim de ocorrência, no domingo. Nesse mesmo dia, o carro de Carlos foi encontrado.

Ontem, quando foram presos, os filhos do caseiro justificaram o crime, dizendo que o comerciante foi morto porque os teria reconhecido. Além dos quatro, há outros dois suspeitos, foragidos, que estão sendo procurados pela polícia.


*Agencia Bom dia/Record
Tecnologia do Blogger.