Header Ads

Conselho do Meio Ambiente se reúne para discutir a implantação da “Usina de Resíduos Sólidos”.

O grupo do Conselho Municipal de Desenvolvimento Ambiental e Rural (COMDAR) por meio da Secretaria de Meio Ambiente se reuniu na segunda-feira (14/5), para debater assuntos ligados a “Resíduos Sólidos”, no município de Cotia.

O projeto foi apresentado ao grupo pela empresa Ziguia Engenharia Ltda, por meio da gestora ambiental, Karina Silva de Mello, que abordou a implantação da Usina de Resíduos Sólidos e propostas para a destinação e tratamento correto do lixo, destacando qual tipo de lixo pode ser processado, a importância da reciclagem, a triagem, transporte, pré-tratamento, carregamento e outros itens que uma usina abriga na sua montagem e estrutura.

A profissional explanou sobre a destinação de resíduos sólidos e a criação de uma cidade sustentável, através da usina, que receberia o lixo pré-selecionado pela empresa ENOB- responsável atualmente pela coleta do lixo na cidade de Cotia.

Toda a estrutura para implantação da Usina de Resíduos Sólidos será estudada pela Prefeitura, já que existe a preocupação com o destino correto do lixo produzido em Cotia, e também segundo informações do engenheiro Alcides Fernandes, possíveis locais para a usina estão sendo vistoriados, numa área de 9 mil metros quadrados, porém depende de licença ambiental da Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (CETESB).

Com a construção de uma usina a população de Cotia teria onde descartar o seu lixo de maneira sustentável, assim com o processo de biometanização dos resíduos sólidos pode gerar inúmeros benefícios como obtenção de créditos de carbono, substituição de combustíveis fósseis, comercialização do lixo com biogás, energia, condicionadores de solo, entre outros, explicou a gestora.

Ao final da explanação foi citado que três ecopontos estarão à disposição da comunidade para que sejam depositados resíduos sólidos, que são: Granja Viana, centro de Cotia e Caucaia do alto. Além disso, segundo informou a Secretaria de Meio Ambiente, a propósito a Prefeitura trabalha com metas para implantar a usina até o final de 2012.

Numa próxima reunião do COMDAR- a pauta voltará a ser discutida entre os membros.
Tecnologia do Blogger.