Header Ads

Jovem detido em Ibiúna é suspeito de atuar em jogo da baleia azul

Foto: Polícia Civil
Policiais civis cumpriram um mandado de busca e apreensão em Ibiúna para o combate do jogo Baleia Azul. Na residência de um jovem de 25 anos, apontado como "curador" do jogo, foram apreendidos um computador, dois telefones celulares e quatro pen drives. 

Segundo os policiais, mensagens relacionadas às "missões" designadas aos seus participantes foram encontradas no computador. As ordens variavam desde automutilações até suicídios. 

De acordo com o delegado assistente da Delegacia Seccional de Sorocaba, João Francisco Ferreira Dias, o suspeito, localizado pela Polícia carioca por meio do IP do seu computador, negou qualquer participação no jogo. As "missões" localizadas em sua máquina, segundo o suspeito, foram retiradas de um site por curiosidade. 

O delegado frisou que a localização desse material não significa que o rapaz, ouvido e liberado posteriormente, seja o autor das tarefas. Todo material foi encaminhado para São Paulo, onde havia uma equipe policial do Rio de Janeiro aguardando. O delegado assistente disse também não haver nenhum caso confirmado de vítimas na região de Sorocaba. 

O termo jogo da Baleia Azul refere-se a um suposto fenômeno surgido em uma rede social russa, ligado ao aumento de suicídios de adolescentes. Acredita-se que o jogo esteja relacionado com mais de cem casos de suicídio pelo mundo, havendo fotos de feridas auto-infligidas compartilhadas em redes sociais, juntamente com as hashtags do jogo.

*Jornal Cruzeiro do Sul.
Tecnologia do Blogger.