Header Ads

Vereadores de Cotia podem reprovar contas de Carlão Camargo e deixá-lo inelegível por 8 anos


Nesta quarta-feira (18) a Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara de Cotia, composta pelos vereadores Marcos Nena (PMDB), Marcinho Prates (SD) e Edson Silva (PRB) se reuniram para leitura da defesa do ex-prefeito Carlão Camargo (PSDB) que teve parecer do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) pela reprovação das contas de Carlão, referentes a 2013.


A mesma comissão já havia rejeitado as contas do ex-prefeito em sessão ordinária realizada no último dia 18 de abril, decisão que foi mantida no parecer técnico da Comissão de Finanças e Orçamentos da Câmara, emitido na tarde desta quinta-feira (18) pelos vereadores Marcinho e Edson, que decidiram pela rejeição das contas públicas do gestor em 2013.

A pauta deve ser votada e debatida na próxima sessão ordinária marcada para próxima terça-feira (23), nos bastidores vereadores estudam seguir a recomendação do TCE que mostra diversas irregularidades na gestão do ano de 2013.

Se isso se confirmar, Carlão, que pretende disputar uma vaga de deputado federal em 2018 terá que "lutar" bastante para ter seu nome liberado pela Justiça Eleitoral e disputar o pleito, já que, conforme a Lei Federal 64/90, modificada pela Lei Complementar 135/2010, são inelegíveis os que tiveram suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa. A votação deve ser tumultuada e, está marcada para as 17 horas da próxima terça-feira (23) na Câmara e pode deixar Carlão inelegível por 8 anos.


*Jornal Tabloide | Cotia e Cia
Tecnologia do Blogger.