Header Ads

Diarista é assassinada em Cotia; suspeito é pastor e está foragido

Maria Aparecida Lima de 53 anos que é diarista foi morta em sua residencia em Cotia, na Grande São Paulo. O principal suspeito é Sebastião Cassemiro de 63 anos que é pastor. A família acredita que Maria teve um caso com o religioso.

A diarista havia voltado para cuidar de seu ex marido a pouco mais de 3 semanas quando foi assassinada enquanto fazia comida para família.

O suspeito está foragido. Saiba mais detalhes na matéria da Bandeirantes:
Tecnologia do Blogger.