Header Ads

Suspeito de matar homossexual em SP é preso em Cotia

Um homem suspeito de matar estrangulado um homossexual na região central de São Paulo foi preso na tarde desta segunda-feira (17), em Cotia, segundo informações da Polícia Civil. Crime ocorreu em agosto do ano passado, no bairro do Pari.

De acordo com o delegado titular da Delegacia de Investigações sobre Roubos e Latrocínios do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), Carlos Battista, o suspeito, que fazia bico como ajudante, cometeu o crime na residência da vítima, um artesão, ao tentar roubá-lo. O ajudante preso conhecia o local porque era amigo de um dos vizinhos do imóvel, explicou o delegado.

O artesão, que era homossexual e HIV positivo, costumava deixar cópia da chave do apartamento na casa do vizinho, caso necessitasse de ajuda. O suspeito descobriu isso e resolveu roubá-lo. Durante a invasão, o ajudante acabou matando o morador ao amarrá-lo e provocar a asfixia.

Os investigadores constataram que o suspeito, no dia posterior ao crime, pediu demissão do emprego e se desligou do albergue onde dormia. Em seguida, os policiais localizaram um antigo companheiro do suspeito, que revelou também ter sido roubado por ele e amarrado da mesma maneira de como foi o artesão.
A Justiça decretou prisão temporária de 15 dias do ajudante. Os investigadores apuram outros crimes envolvendo o acusado.

*G1
Tecnologia do Blogger.