Header Ads

Garoto de 11 anos desaparecido em Minas é encontrado em Cotia

Mulher foi presa por suspeita de sequestro, segundo a Polícia Civil. Ela tem passagem pela polícia por roubo; garoto tem 11 anos.

Um garoto de 11 anos que havia desaparecido no município de Salinas (MG) desde a semana passada foi localizado em Cotia nesta segunda-feira (29), de acordo com a Polícia Civil mineira. Ele havia sido levado por uma mulher, que foi presa em flagrante por suspeita de sequestro, ainda segundo a polícia.

A família do garoto vive na zona rural de Salinas, em uma área chamada Lagoa de Baixo, diz um dos investigadores que acompanham o caso, Welington de Assunção Filho. Ele relata que a denúncia à Polícia Civil na cidade foi feita pelo avô do menino, e que os pais têm baixa renda - não teriam como pagar um resgate, portanto. "Estranhamos do por que eles [suspeitos] levarem este menor", disse o policial.

Segundo o investigador, a mulher fugiu da cidade mineira por ter dívidas com traficantes. Ela e outro homem, que teria colaborado com o sequestro, são usuários de crack. Ambos furtaram um carro e seguiram para Recife com o garoto. Não está claro o motivo de o menino ter sido levado, de acordo com os policiais.

O jovem foi mantido na casa de conhecidos da suspeita em Recife. No entanto, quando os donos da casa souberam que o menino havia sido levado sem autorização dos pais e que a mulher era suspeita de sequestro, eles expulsaram a suspeita do local, apontam investigações da polícia. Após este fato, a mulher decidiu trazê-lo para São Paulo.

O garoto está em um abrigo de São Paulo, sob proteção do estado, e vai ficar até o Conselho Tutelar de Salinas buscá-lo e levá-lo de volta a seus pais, diz o investigador. Ele informa que o menino não apresenta ferimentos e parece ter sido bem alimentado. O delegado de Salinas, José Eduardo Gonçalves dos Santos, está em São Paulo para colher o depoimento da suspeita do sequestro. O investigador Assunção Filho aponta que ela tem passagem pela polícia por roubo.

*G1SP
Tecnologia do Blogger.