Header Ads

E.E Roque Celestino transforma projeto em livro!

A Escola Estadual Roque Celestino Pires, em Caucaia do Alto, lança o Projeto: Um Novo Olhar para a Leitura e a Intertextualidade nos Textos.

O presente trabalho apresenta reflexões sobre a análise de textos, tendo alunos dos 8º anos como sujeitos principais da atividade. Buscou-se desenvolver a competência do aluno e sua capacidade em relacionar textos já existentes com sua criatividade, aperfeiçoando a sua habilidade de comparação. A análise de cada texto possibilitou aos alunos a interpretação entre os textos: desenvolvendo no aluno a habilidade de leitura, entendida como um processo que transita entre a teoria e a prática, ou seja, na ação social. Toda proposta teórica foi norteada por meio da intertextualidade que pode englobar todas as áreas do saber desenvolvidas na escola.

Vale dizer que a intertextualidade parte do princípio que a comunicação não se esgota no verbal ou no escrito e que temos várias informações que estimulam o aperfeiçoamento de novos códigos e novas mensagens. A Intertextualidade é um processo acumulativo que a partir de novas leituras amplia e aperfeiçoa os conhecimentos já adquiridos pelo aluno para desenvolver habilidades para que direcionem a competência de um leitor crítico e proficiente.

A dedicada Diretora Maria Teresa emocionou-se ao receber o livro, exatamente por saber de perto a realidade muitas vezes nada feliz de muitos alunos, em suas rotinas, no caminho que fazem pra chegar até o ambiente escolar. Numa das histórias um aluno faz uma dedicatória antes de iniciar sua história, que tem por nome “Chapeuzinho no Século XXI”. O Aluno diz: “Dedico este livro a todas as pessoas que erraram em suas escolhas e não puderam mudar sua história”. “Dedico também para aquelas pessoas que não tem um amigo para conversar e moram em abrigos”.

Que esta frase fique para a reflexão dos leitores adultos, lembrando que foi uma criança de 8º ano a expressar seu sentimento. Os agradecimentos em uma das páginas do Livro foram a Deus em primeiro lugar por lhes ter dado o direito à vida. Aos elaboradores do projeto, aos alunos participantes que colaboraram e dedicaram-se em desenvolver a recriação dos contos de fábulas selecionados. Aos pais de alunos pelo incentivo durante todo o trabalho, a Coordenação pelo apoio, aos professores que se dispuseram no desenrolar de cada etapa cedendo aulas e disponibilizando ajuda na realização de cada item preciso.

Professora que desenvolveu o Projeto é Maria Gonçalves e os alunos são do 8º ano do período da tarde.

*Por Andréa Rabelo
Tecnologia do Blogger.