Header Ads

Saúde realizará mobilização da vacina contra a gripe no dia 5 de maio!

A Secretaria Municipal da Saúde promoverá no dia 5 de maio, o “Dia de Mobilização Nacional”, da Campanha de Vacinação contra a Gripe Influenza. A vacina será direcionada às gestantes, idosos acima de 60 anos, e crianças de seis meses até 1 ano, 11 meses e 29 dias.

De acordo com dados da Secretaria de Estado da Saúde, o município de Cotia deve atingir a meta de 16.144 pessoas com sessenta anos ou mais, 4.270 crianças de seis meses e menores de dois anos, além, de 3.400 gestantes.

Para atender a meta municipal, a Secretaria da Saúde intensificará no dia de mobilização nacional (5/5) a vacinação em postos fixos e volantes. Postos fixos: UBS Caucaia do Alto, UBS Atalaia, UBS ASSA, UBS Portão, UBS Arco-Íris, UBS Mirizola e UBS Recanto Suave.

Durante a campanha, ainda serão oferecidas vacinas contra difteria, tétano e febre amarela para todos os idosos ainda não vacinados; e vacina contra pneumococo para os grupos de risco elevado. Para facilitar o acesso à população, a Secretaria da Saúde decidiu ampliar o número de postos volantes. Pensando nisso, contará com postos móveis instalados no Walmart e Extra, haverá também uma tenda de atendimento na Praça da Matriz, de Cotia.

A vacinação que ocorre anualmente constitui um dos meios de prevenir a gripe e as suas complicações, além de apresentar um impacto indireto na redução das internações hospitalares, da mortalidade evitável e dos gastos com medicamentos para tratamento de infecções secundárias.

Vale lembrar que a dose para as crianças que estão recebendo vacina pela primeira vez e estão na faixa etária entre 6 meses e menores de 2 anos, consiste na aplicação de 2 doses, com intervalo de 30 dias.

As crianças que receberam duas doses em (2011), este ano (2012) deverão receber apenas uma dose.

O esquema de vacinas para adultos consiste em apenas uma dose anual para adequada proteção. No caso das gestantes, vale destacar que a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia, afirma que a vacina é segura e indicada em qualquer idade gestacional.

Para o Ministério da Saúde, a vacina influenza não deve ser administrada em pessoas com histórico de reação anafilática prévia, ou alergia grave relacionada a ovo de galinha e seus derivados, assim como a qualquer componente da vacina.

Mais informações no telefone 4616-9115, Vigilância Epidemiológica.

Saiba mais sobre a Influenza

A influenza ou gripe é uma infecção viral que afeta o sistema respiratório, o contágio ocorre de forma direta através das secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir, ou espirrar ou de forma indireta, por meio das mãos que, após contato com superfícies recém-contaminados por secreções respiratórias pode levar o agente infeccioso direto a boca, olhos e nariz. A doença pode se apresentar desde uma forma leve e de curta duração, até formas clinicamente mais graves. A influenza é responsável por elevada morbimortalidade em grupos de maior vulnerabilidade.

Eficácia e duração da proteção

Em adultos jovens saudáveis, a proteção da vacina influenza é cerca de 70 a 90%. A detecção de anticorpos protetores ocorre geralmente cerca de 2 semanas, após a vacinação, e o pico máximo de anticorpos 4 a 6 semanas. A proteção conferida pela vacinação é de aproximadamente 1 ano.
Tecnologia do Blogger.