Header Ads

Saúde promove comemoração da Páscoa com crianças do CAPS I.

 Para celebrar a Páscoa, a equipe de multiprofissionais do Centro de Atenção Psicossocial Infantil – CAPS I de Cotia, localizado a Rua Valdionor Belloti, 105, Vila Santo Antonio, antecipou a comemoração, e reuniu dezenas de crianças na quarta-feira (4/4). Durante todo o dia, as crianças realizaram diversas atividades com muita alegria e animação.

Visando promover um momento de muita descontração, todo o espaço foi decorado e preparado especialmente para despertar em cada um o desejo de celebrar a Páscoa, com a espontaneidade peculiar das crianças.

As atividades foram iniciadas pela manhã com o acolhimento dos convidados, e seguiu no decorrer do dia com diversas atividades recreativas e educativas, exploração do espaço físico, e também a distribuição de guloseimas e lembranças alusivas, feitas pela própria equipe artística do CAPS I.

CAPS I

O Centro de Atenção Psicossocial Infantil (CAPS I) - é uma instituição da Rede de Saúde Mental de Cotia, que se dedica à atenção de crianças com transtornos mentais graves e persistentes, disponibilizando acompanhamento médico, psicológico e social, além de proporcionar o desenvolvimento de atividades terapêuticas, artísticas, psicopedagógicas, socioterápicas, na forma de grupos e oficinas.

O Coordenador da Saúde Mental do município, Dr. Messias Padrão, informou que atualmente a unidade atende 80 pacientes. “Desde sua inauguração no ano passado, o CAPS infantil atendeu 150 crianças e adolescentes, dos quais 80 continuam em atendimento e, em breve, teremos condições de ampliar o número de atendimentos, incluindo mais pacientes, com a ativação dos grupos de estimulação, terapia e artes”, disse.

As novas instalações do CAPS I são amplas e totalmente adequadas para que as crianças possam ter acesso ao acompanhamento médico e psicológico, bem como, participar dos grupos e oficinas terapêuticas, incluindo o atendimento especializado aos pais.

A equipe de multiprofissionais é formada por psicólogos, psiquiatra, enfermeira, pedagoga, assistente social, fonoaudióloga e professora de artes.

Para a Coordenadora e psicóloga do CAPS Infantil, Maria Cristina Garbini, “é fundamental atuar juntamente com a rede de saúde. Vamos dar suporte terapêutico à criança e à família, trabalhando a inclusão do paciente no âmbito escolar e na sociedade de modo geral, buscando desenvolver sua autonomia como pessoa”, explicou.
Tecnologia do Blogger.